domingo, 31 de março de 2013

Sabe seu moço, sou andarilho destes cantos da cidade, se você enxerga e não me vê

30.03.2013 -
n/d
Moço:
Sou andarilho destes cantos da cidade.
Sou menino, sou menina, sou sem nome;
de nariz escorrendo e cabelo cumprido ou raspado.
Minhas fantasias de infância seu moço,
estão perdidas nas janelas, nas vitrines, no luxo desta sociedade impiedosa
.
Canto, choro, brigo, viro-latas, lavo carros, durmo nos bancos destas praças espalhadas.
Sonho acordar num berço amigo e das calçadas em que amanheço sou o dono.

n/d
Eu pergunto:
- Seu moço, onde estão os homens indiferentes a esta minha miserável vida?

Procurei nas escolas - não pude entrar, descalço que estava.
Procurei nas igrejas - não fui aceito. Incrédulo muitos me tornaram.
Procurei, nos parques de diversões, nos circos das pipocas e dos palhaços

o meu sorriso de criança que nunca tive.
E o que encontrei, moço?
No espelho, vi meu rosto magro, pálido, estampado e o estômago vazio.

Como um animal, vivo vagando de lixo em lixo a procura de alimentos.
n/d
Ai, moço!
Que gosto amargo tenho desta vida.
Que já me fez roubar, cheirar cola, fumar, passar fome, sentir frio, anoitecer e amanhecer solitário...

Moço:
Não tenho argumentos contra a fome, o desemprego, a vida maltratada , sem esperanças de meus pais, e esta minha já tão perdida infância.

É... seu moço, “num tem jeito não”
Se você enxerga e não me vê
Se você escuta e não me ouve

n/d
HOJE SOU MENOR ABANDONADO, menor carente, sem teto, sem lar, menino de rua...

AMANHÃ, TENHO CERTEZA, POSSO SER O PESADELO DESTA SOCIEDADE
QUE ME JULGA,  ME CONDENA  E ME MATA AOS POUCOS.

Quem sabe, seu Moço, brote uma esperança e possa germinar a semente da bondade, caridade e amor ao seu semelhante. Que o Bom DEUS Toque estes homens, de corações frios de pedra,.
n/d
Imagens e Adaptado por Dilson Kutscher  -- www.rainhamaria.com.br
Por Lucia Irene Reali Lemos,  -  Porto Alegre - RS

=========================
O SITE RAINHA MARIA DESEJA UMA SANTA PÁSCOA A TODOS
NA PAZ DO GLORIOSO REI JESUS CRISTO.
n/d
SÃO MATEUS 5  -  DISSE O REI JESUS:
Bem-aventurados os pobres de espírito porque deles é o Reino dos Céus.
Bem-aventurados os mansos porque possuirão a terra.
Bem-aventurados os que choram porque serão consolados.
Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça porque serão saciados.
Bem-aventurados os misericordiosos porque alcançarão misericórdia.
Bem-aventurados os puros de coração porque verão a Deus.
Bem-aventurados os pacíficos porque serão chamados filhos de Deus.»
Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o Reino dos céus!
Bem-aventurados sereis quando vos caluniarem, quando vos perseguirem e disserem falsamente todo o mal contra vós por causa de mim

sexta-feira, 29 de março de 2013

(Santo Agostinho)

so geraldo magela.jpg
Fora da Igreja é possível tudo, exceto a salvação. É possível ter honras, é possível ter sacramentos, é possível cantar aleluias, é possível responder amém, é possível possuir o Evangelho, é possível ter fé no nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, é possível pregar; mas em nenhum lugar senão na Igreja Católica, é possível encontrar a salvação”. (Santo Agostinho)

quinta-feira, 14 de março de 2013

E Jesus termina resumindo tudo numa só frase: "Bem-aventurados os que sofrem perseguição por amor da justiça, porque deles é o Reino dos Céus"

Artigos para Refletir
Ficarei até a fumaça branca, diz fiel ajoelhado, descalço e sob chuva no Vaticano
13.03.2013 -
Fiel Coppo Juliana cardilli vaticano franciscano (Foto: Juliana Cardilli/G1)
Em meio a uma Praça de São Pedro ainda vazia no inicio da manhã desta quarta-feira (13), com muito frio e uma chuva insistente em Roma, a figura de um homem idoso, descalço, vestido com sacos de juta ajoelhado e rezando, chamava a atenção. Massimo Coppo, de 64 anos, chegou na terça-feira (12) ao Vaticano e pretende ficar rezando em frente à Basílica de São Pedro ate o fim do conclave que elegera o novo Papa. “Ficarei até a fumaça branca”, disse ele nesta manhã.
Coppo mora em Assisi, na região da Úmbria, em uma comunidade de franciscanos que prega o voto de pobreza e a vida voltada para a oração. Formado em Ciências Agrárias, ele foi professor até os 32 anos, quando conheceu a comunidade. Até então, era protestante – foi apenas nessa idade que ele se descobriu católico e começou a empregar o que chama de vocação. “Conheci alguns homens em Perugia e percebi que já era católico. Foi quando abri mão de tudo, do trabalho, dos bens, para rezar, me dedicar a Deus.”
Fiel Coppo Juliana cardilli vaticano franciscano (Foto: Juliana Cardilli/G1)
Mesmo com o frio de cerca de 6ºC que fazia nesta manhã em Roma, além da fina chuva que deixava o ambiente ainda mais gelado, Coppo permanecia ajoelhado no chão de pedras, descalço. “Vim rezar, testemunhar essa importante eleição. É uma passagem difícil para a Igreja, milhões de católicos estão rezando. É um tempo belo, importante. O próximo Papa terá um peso muito grande.”
Articulado e bilíngue – o italiano morou nos Estados Unidos na juventude e fala bem inglês –, ele diz esperar um novo Papa que represente os seus ideais. “Queremos ajudar várias pessoas a entender como podemos ser pobres e felizes. É uma liberdade ser pobre. Os franciscanos gostam da pobreza, invejam quem é mais pobre do que eles”, afirmou. “Gostaria de ver um Papa mais pobre, um franciscano, um capuchinho. Um Papa que seja corajoso para reafirmar os fundamentos da fé católica, a eternidade.”
Ele diz que com seus atos de oração quer alertar o mundo para as mudanças recentes que ocorreram. “Muitos vivem um momento midiatico, e não se dão conta do tempo em que estamos. O mundo está seguindo rapidamente para seu fim, mas não falamos muito disso. Fatos no mundo apontam o colapso global e o retorno de Jesus”, disse o italiano, citando a renúncia de Bento XVI e o meteoro que deixou centenas de feridos na Rússia em fevereiro.
Fonte: G1   -    www.rainhamaria.com.br
====================================
Nota de www.rainhamaria.com.br
Diz na Sagrada Escritura, em São Mateus 5
"Bem-aventurados os pobres de espírito porque deles é o Reino dos Céus.
Bem-aventurados os mansos porque possuirão a terra.
Bem-aventurados os que choram porque serão consolados.
Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça porque serão saciados.
Bem-aventurados os misericordiosos porque alcançarão misericórdia.
Bem-aventurados os puros de coração porque verão a Deus.
Bem-aventurados os pacíficos porque serão chamados filhos de Deus".

HABEMUS PAPAM FRANCISCUM

Foto: FRANCISCO I

terça-feira, 5 de março de 2013

Profecias Católicas e o Fim dos Tempos

Sobre as mensagens, revelações e profecias que o novo Papa será um antipapa
05.03.2013 -
n/d
Em relação ao novo sucessor de Pedro, o próximo Papa,  muitos confidentes (revelações particulares) tem passado mensagens, dizendo que o novo Papa, será um impostor, falso profeta, que fará leis contradizendo os ensinamentos da Igreja católica, que sentará na Cadeira de Pedro e fará uma aliança com o chamado anticristo.
Devo lembrar, que nós também somos a Igreja de Cristo,  não devemos nos preocupar antecipadamente, antes aguardemos com prudência os fatos, será feita a Vontade de Deus, mesmo que supostos  homens a serviço das trevas  pensem que se saíram vencedores, mas Tudo Cumpre mais cedo ou mais tarde a Profecia da Sagrada Escritura e não tentemos adivinhar o Tempo de DEUS.
Sabemos sim, que chegou o tempo da  grande confusão, as verdadeiras revelações particulares serão misturadas as falsas, assim Satanás confundirá os corações dos homens, fazendo que a maioria não acredite mais nos profetas da atualidade, que embora em número muito reduzido, ainda  atuam até a ultima Trombeta ser Tocada.
"Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas e apedrejas aqueles que te são enviados! Quantas vezes eu quis reunir teus filhos, como a galinha reúne seus pintinhos debaixo de suas asas... e tu não quiseste!" (Mt 23, 37)
Julgar antecipadamente o novo sucessor de Pedro, como antipapa, impostor e falso profeta, é colaborar com a destruição da Igreja.
Devemos sim, denunciar as atitudes de padres, bispos, cardeais e demais religiosos,  que  não condizem com os ensinamentos e a doutrina da Igreja. Porém, não podemos denunciar algo, que não se concretizou,  estando ainda  no tempo futuro e não no presente. 
Uma coisa é ficar de sobreaviso, alerta e atento aos fatos,  outra é começar a julgar as coisas como se já fossem verdades absolutas. 
Se o novo Papa for realmente um falso profeta, deixe que ele demonstre naturalmente isto, indo contra os ensinamentos da Igreja, mas antes de condena-lo antecipadamente, deixe que ele também “beije a Face de Jesus”, assim como traidor Judas fez e depois o entregue novamente para ser crucificado, pois, esta escrito no Catecismo da Igreja Católica, página 194, no capítulo que trata da provação derradeira da Igreja.
Diz no parágrafo 675:
“Antes do advento de Cristo, a Igreja deve passar por uma provação final que abalará a fé de muitos crentes. A perseguição que acompanha a peregrinação dela na terra desvendará o “mistério da iniqüidade” sob a forma de uma impostura religiosa que há de trazer aos homens uma solução aparente aos seus problemas, à custa da apostasia da verdade.
Como eu sempre lembro: Nas aparições da Virgem em Akita, no Japäo,  foi das poucas reconhecidas no século XX pela Igreja, mas seu conteúdo e aviso são similares à de Fátima e a tantas outras ainda não reconhecidas nos dias de hoje.
Nossa Senhora disse:
"O Diabo se infiltrará até mesmo na Igreja de tal um modo que haverá cardeais contra cardeais, e bispos contra bispos. Serão desprezados os padres que me veneram e terão opositores em todos os lugares. Haverá vandalismo nas Igrejas e altares. A Igreja estará cercada de asseclas do demônio que conduzirá muitos padres a lhe consagrar a alma e abandonar o serviço do Senhor".
"O demônio especialmente dirigirá sua ira contra almas consagradas a Deus".
Ora, não é isto que com muita tristeza temos presenciado em fatos e notícias?
Mas, não significa que o Diabo, mesmo saindo vencedor de alguma batalha, sairá vencedor da guerra. Ele pode ter se infiltrado na Igreja, corrompendo o coração de muitos religiosos, que assim como “Judas” traíram a Jesus por algumas moedas. Hoje o traem por prazeres, cobiça, poder e as modas mundanas.  Isto, somente cumpre a profecia da Sagrada Escritura e o que Nossa Senhora já havia igualmente profetizado nas muitas Aparições pelo Mundo.
Para terminar, lembre-se que DEUS Sempre está no Comando,.
Diz na Sagrada Escritura
"Aliás, sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são os eleitos, segundo os seus desígnios". (Rm 8, 28)
Por Dilson Kutscher  -  www.rainhamaria.com.br

sábado, 2 de março de 2013

Cristão Light

Hoje estava vendo mais uma pregação do Padre Léo aos jovens. Só tenho 2 palavras para proferir, fantástica e de Deus. Resolvi reproduzir para vocês, afim de que possa refletir e ver que tipo de cristão vocês são.




  O Salmo 90 nos fala da necessidade da confiança em Deus para aqueles que procuram de fato refúgio no Altíssimo. E esse Deus nos liberta do laço do caçador. São Pedro vai radicalizar isso na sua primeira carta, que nos fala de um modo muito concreto sobre essa nossa luta contra o inimigo e sobre nossa busca de santidade. Por isso ele começa no capítulo um, que Deus na sua infinita misericórdia, pela ressurreição de Jesus, nos chama a uma viva esperança, a uma herança que não se corrompe, não se contamina. Isso tem que constituir a nossa alegria, apesar de todas as aflições que passamos ou deixamos de passar. Isso acontece em Jesus Cristo, o nosso refúgio é o Senhor, o nosso Salvador é o Senhor, Sem Jesus não somos nada, sem Jesus estamos completamente perdidos.
Enquanto não nos convencemos disso, enquanto estamos colocando a esperança da nossa felicidade, da nossa alegria, de todo o nosso ser, seja lá em quem for, não atingimos a esta experiência.
  Uma das pedagogias do encardido é mostrar que a vida é fácil. “Fácil, extremamente fácil...”. Ser cristão é difícil, extremamente difícil... É isso que Pedro vai nos falar. Para que vivamos essa santidade, essa salvação: Cingi, portanto, os rins do vosso espírito, sede sóbrios e colocai toda vossa esperança na graça que vos será dada no dia em que Jesus Cristo aparecer. À maneira de filhos obedientes, já não vos amoldeis aos desejos que tínheis antes, no tempo da vossa ignorância. A exemplo da santidade daquele que vos chamou, sede também vós santos em todas as vossas ações.
Ele usa uma analogia, quando se cinge o rim para proteger o corpo na hora de ir para a guerra. Então devemos cingir os rins do nosso espírito. Ou seja, nós nos preocupamos tanto em proteger o corpo, mas está na hora de proteger o espírito. Para isso, sede sóbrios. Sobriedade, eu não dependo de nenhuma droga, eu não dependo do cigarro, eu não dependo da bebida. Eu sou sóbrio em relação ao sexo. O que quer dizer ser sóbrio em relação ao sexo? Viver a sexualidade no meu estado de vida. Como jovem eu vou viver a minha sexualidade na castidade consagrada, ou o que é chamado ao matrimônio vai viver essa sexualidade segundo a sua vocação. Sobriedade é equilíbrio, é temperança.
“À maneira de filhos obedientes...”. Obediência vem de ouvir. A quem estou ouvindo?
“... já não vos amoldeis nos desejos que tínheis antes, no tempo em que eras anta”. A quem nós estamos nos amoldando, nos modelando?
“sede vós também santos em todas as vossas ações”. Eu não tenho dúvida que esse é o grande desafio para nós. O que significa essa santidade, esse desafio, um jovem santo? Um jovem sarado, que não está contaminado pelos laços do caçador, pelas artimanhas do encardido.
Há hoje uma filosofia moderna, de que tudo na vida é fácil, tudo é light. A descoberta dos produtos light e diet foram uma maravilha. Por exemplo, para uma pessoa diabética, que não pode usar açúcar, para uma pessoa que tem uma disfunção hormonal, que não pode entrar em contato com nenhum alimento que tenha açúcar. Mas hoje virou sinônimo para todos que querem emagrecer sem fazer esforço. E light não é para gordo emagrecer, é para magro não engordar. Então inventaram tudo light, cola light, cigarro light, doce light, manteiga light, pão light, tudo light. E o que significa light? Fácil. O light significa duas coisas: primeiro é que não se vai às causas dos problemas, segundo é que não se assumem as conseqüências das coisas da vida. Por trás disso há uma filosofia que diz que podemos comer a vontade que não engorda. O que é uma ilusão, porque a pessoa só e gorda porque come demais ou por distúrbios do organismo. O light vai virando uma hipocrisia. Um sujeito vai à churrascaria, come picanha, mas só bebe coca light.
Então cria-se essa mentalidade do light, onde você não precisa analisar as causas, você não precisa fazer esforço, não existe conseqüência. Mas é triste, pois estamos criando uma sociedade light, onde você pode fazer tudo e não tem conseqüência nenhuma, onde abandona-se ao destino. Existe literatura light, sexualidade light, existe um estilo de vida light, que é o estilo de vida que o encardido gosta, pois ele vai seduzindo e enganando. E a pessoa que entra nessa vida light não pensa mais em palavras fortes que servem para quem quer ser cristão. Essas palavras são: renúncia, penitência, sacrifício.
  O que é a Nova Era? A Nova Era é a religião light, não é a religião onde você tem que se converter ao evangelho, mas converte o evangelho a você, faz a leitura que quer do evangelho. “Eu sou católico, mas do meu jeito”. Do seu jeito até o encardido pode ser católico.
O estilo da vida light vai gerando uma sociedade sem esforço, vamos nos acostumando a não fazer mais esforço. “Eu vou á igreja quando eu quero, eu sou o centro, quando eu tenho algum problema eu vou, eu vou e exijo”. Mas nós estamos criando uma raça de jovem light, fraco, que desiste diante de qualquer problema. Quando tem algum problema o light já tem a solução, fuma uma maconha, cheira um carreiro de cocaína.
A família light é aquela que não tem raízes, que não tem causas, não tem conseqüências, que ninguém provoca nada, que não há diálogo, que não há questionamento.
  O mundo vai criando um deus light. O deus da Nova Era é light. Vocês não pensem que a Nova Era está preocupada em criar uma religião própria, ela quer entrar em todas as religiões, inclusive, dentro da Renovação Carismática Católica, nós já temos muitos carismáticos light, que não tem a coragem da renúncia. E é preciso dizer não, ou então vamos nos amoldando pelo mundo. Por isso que na nossa fé a salvação ainda continua tendo um símbolo, os judeus acharam uma loucura. Mas Paulo vai dizer que aquilo que pra vocês é loucura, para nós é salvação. O nosso Cristo passa pela cruz. E Jesus disse isso:
“Você quer ser meu discípulo?”. Se você disser sim, Jesus complementa: “Então tome cada dia a sua cruz e segui-me”. Viver para o Senhor, é morrer para o Senhor. É sair do egoísmo.
  Por que tantas comunidades carismáticas acabaram? Porque o light sai da experiência da comunidade para experiência da comodidade. Comunidade exige a renúncia do “eu”, exige esquecer-me de mim mesmo, exige ser filho obediente ao meu superior, ao coordenador da minha casa. É obedecer mesmo quando a ordem que ele dá é contra os meus princípios. Comodidade é quando eu não estou mais satisfeito, eu vou embora e acabou. Isso é o inferno!
Quando eu falo em comunidade não estou falando só de Bethânia ou da Canção Nova, que é imensa. Eu estou falando da sua comunidade igreja, na sua comunidade família. Quantas famílias estão destruídas porque deixaram de ser comunidade para ser comodidade. Hoje queremos coisas cômodos, onde cada um vai montando o seu cantinho, e ao invés de fazer a casa da família, tem que fazer a casa da fami-ilha, onde cada um é uma ilha. Um quartinho é uma ilha, o outro quartinho é uma ilha. O filho chega com a cara feia, bate as portas, tranca a porta do quarto dele e lá ninguém entra. Tem mãe que não pode entrar no quarto do filho. Lá ele tem sua TV, e para alimentar sua sexualidade light, coloca um vídeo pornô, as revistas pornôs, e fuma o baseado dele. E a mãe diz: “Ele é assim mesmo, ao menos não incomoda”. Comodidade é só não incomodar. Comunidade, incomoda, sim.
  Quando Deus nos chama a uma comunidade, ele nos chama para que coloquemos em comum nossos dons, e também chama para que essa comunidade venha nos curar. A comunidade é sempre um lugar de cura. O matrimônio é uma comunidade de vida e de amor. No matrimônio light a definição seria comodidade de morte e de desamor. Porque gera morte, desamor, mágoa, ressentimento. Família que não se ama, que não se curte, não se abraça, porque cada um criou o seu mundinho, cada um está na sua ilha. E depois vai na igreja, reza em línguas e pede para Deus mudar a sua vida. Deus muda, mas tem que cada dia pegar a sua cruz e seguir Jesus. Significa renúncia.
Por que fazemos em todas as missas de Primeira Eucaristia, de Crisma a renúncia ao demônio? Por que isso é tão forte? Isso é doutrina da Igreja Católica. Porque ele está como um leão pronto para dar o bote. Mas o encardido é inteligente, ele não nos enfrenta, ele fica rondando, e a pessoa vai se acostumando com o pecado. O encardido tem muita paciência.
  O encardido vai rondando, ele tem calma, ele joga a isca e fica te esperando. Ele está vendo qual é o seu ponto fraco, qual é a sua área mais light. Pode ser um trauma, uma mágoa, um pecado, uma irritação.
Padre Léo, SCJ - Trecho do livro Jovens Sarados